7

BondcastOFF 0028 – 2001: Uma Odisseia no Espaço

Um clássico absoluto da ficção científica, imortalizado no cinema por Stanley Kubrick. Embarque nesta jornada conosco em um episódio informativo e muito bem humorado sobre 2001: Uma Odisseia no Espaço.

BCOFF_BANNER_0028

Sergio Vasconcelos (@SeVasconcelos), Giuzão Chagas (@Giuzao), Lucian Novo (@Lucian_Novo), Luís Vinicius Melione (@ViniciusMelione) e Thiago Ubaldo entram em uma discussão sobre a obra de Arthur C. Clarke, roteiro, livro e um filme cultuado até hoje, 2001: Uma Odisseia no Espaço (1968). Afinal, o que é o monólito? De onde veio? Para onde vai? Prepare um café bem forte e venha dar aquela viajada “quinzenal” conosco.

Aviso: O BondcastOFF não é jornalístico e não busca trazer um documentário completo sobre o assunto. O objetivo do nosso podcast é levar entretenimento com muito humor e às vezes um pouco de seriedade para aqueles que gostam de nos escutar.

Assine nosso feed:
https://itunes.apple.com/br/podcast/bondcast-brasil/id967616059?l=en
http://feeds.feedburner.com/bondcastbr

Tempo de Duração: 109 minutos

Lançado em: 21/06/2017

Bondcast

7 Comments

  1. Galera, boa tarde. Meu nome é Marcelo de Paula, 44anos, Jacareí/Sp. Quem dublou o Hal no filme foi o Márcio Seixas, que já dublou ninguém menos que Sir Sean Connery nos filmes de nosso 007, além de Batman das séries animadas da Warner e também era a voz de narração de fundo de vários desenhos da Disney.

  2. Opa galera do Bondcast!
    Apesar de conhecer o filme apenas pelo nome, sempre tive receio de assistir. Sei lá, achava que era um Sci-Fi sem vergonha que todo denomina Cult apenas por ser velho, mas não assistindo ao filme logo depois do castelo vi que ele tinha sei valor é como disse o Luís V. o filme foi bem ousado para sua época.
    Não posso mentir e tenho que dizer que como assisti após ouvir o cast isso “estragou” um pouco a experiência, mas acalmem-se rsrs com certeza são não tivesse ouvido o cast não passaria nem dos 10 primeiros minutos.
    Depois do filme tudo fez mais sentido kkk a música do Floyd é a referência na Fantástica Fábrica de Chocolate. Ahh já ia me esquecendo kk a Globo a uns 10 anos atrás fez uma novela que o prédio era comandado por uma inteligência artificial cujo a “lata” é muito parecida com a do HAL kk
    Vlw Bondcast!!

  3. Olá meninos, Como sempre, vcs são ótimos. Podem me zoar pq o Serginho mandou no grupo do whats uma foto do Chapolin Colorado no episódio dos Aerólitos e eu cravei q o Off ia ser, finalmente, o universo criado por Roberto Gomez Bolaños. Serginho, rei dos enigmas. Nunca vi Uma Odisseia no espaço nem li o livro mas o BCB me despertou a curiosidade. Aliás, vcs ñ falaram q um código usado por 007 p/ abrir uma porta em Moonraker são alguns acordes do tema de 2001, uma Odisseia no Espaço. Ubaldo cantando a música do Chapolin no espaço foi show. Aliás tem um episódio perdido em q Chapolin vai ao espaço (para Marte) e canta a música montado num aerolito “Lá /os astronautas vão pelo céu/ capturando os planetas”
    Acredito q esse episódio tb seja uma homenagem ao filme.
    E a história da “casa” de Fortaleza c/ monólitos na porta. Acaso ñ seria delírios do Giu na época? Adorei ouvir mas vcs, definitivamente ñ conseguem falar a sério o tempo todo. E isso é ótimo. Bjo, amo vcs.

  4. fale galera bcb.o 2001 eu vi quando era criança e não entendi nada mas foi pra mim uma experiência mágica pq é muito lindo visualmente. revi recentemente e bom merece estar entre os melhores filmes já feitos. também gostaria de uma continuação mas depois de tanto tempo acho que infelizmente não rola… agora é ir atrás dos livros. abraços

  5. Rapaiiiiix! Me diverti muito com este OFF, nunca fui muito fã do filme, apesar de lembrar dele quase que inteiro. Considero um clássico também, não sou muito fã de Ficção Cientifica, para mim espaço tem que ser tiro, porrada e sabre de luz. kkk
    Abraços

  6. Desejo a vocês a melhor das tardes, caríssimos Bondcasters. Ouvi esse episódio com júbilo e sofri de frouxos de riso a cada pataquada proferida. O filme me pareceu deveras interessante, e fiquei com vontade de aproveitar de sua leitura épica de uma soap opera.

    Grande abraço e até o próximo comentário.

Deixe uma resposta para Jorge Augusto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *